© 2023 by End Hunger. Proudly created with Wix.com

QNM 32, Área Especial, Módulo C - Ceilândia/DF 

(61) 3036-9101/ 3201-7811

WhatsApp: 61 98580-8634

contato@ccbatuira.org.br 

servicosocial@ccbatuira.org.br

Entre em
contato
COnheça
nossas redes
Faceblue.png
Insta-Blue.png

Origem

A Casa da Criança Batuíra surgiu a partir do lema máximo do espiritismo, trazido pelo seu codificador - Alan Kardec, citando Paulo de Tarso: “Fora da caridade não há salvação”. Os membros do Centro Espírita Batuíra ao reunirem-se para definir qual seria a forma de colocar em prática os ensinamentos de Kardec optaram por trabalhar com o público infantil, pois não se pode aguardar o homem renovado sem o amparo à criança. Definido pelo grupo a opção de focar os esforços no amparo à infância e juventude, foram iniciados os trabalhos para arrecadar recursos para aquisição de terreno, construção e finalmente manutenção da Instituição. 

 

Em 19 de Março de 1980 a Instituição teve seu registro feito em cartório de pessoas jurídicas de Taguatinga sob o nome de Obras Sociais do Centro Espírita Batuíra. Nos nove anos seguintes foram realizadas a compra do lote e a construção de estrutura adequada para realização dos serviços. Em 1989 iniciou os trabalhos no formato de unidade de Acolhimento Institucional quando acolheu as primeiras crianças, já sob o nome fantasia de Casa da Criança Batuíra, chegando a atender 50 crianças e adolescentes em um mesmo período. Porém em 2009 conforme Resolução Conjunta nº01 de 2009 CNAS/CONANDA e com a aprovação do documento “Orientações Técnicas: serviço de acolhimento para crianças e adolescentes”, a Casa da Criança Batuíra reduziu sua meta para 20 acolhidos na Unidade Institucional.  

Ao final de 2013 foi apresentado o projeto denominado Casas Lares Descentralizadas Batuíra, com objetivo de implantar duas casas lares descentralizadas para ampliação do serviço existente, foi aprovado junto ao Fundo dos Direitos da Criança e do Adolescente do Distrito Federal – FDCA/DF, cujo período de arrecadação de fundos esteve em vigor até o mês de novembro de 2015. O valor arrecadado junto ao FDCA/DF não alcançou o valor necessário para a implantação das casas lares, assim a quantia não foi repassada para a Casa da Criança Batuíra. 

 

A Casa da Criança Batuíra permaneceu então mantendo seu trabalho através de recursos próprios, oriundos de bazares, eventos beneficentes, doações e mantenedores, do inicio de sua implantação até dezembro de 2014. Na busca constante de aprimorar seus serviços foi firmado convênio com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Humano e Social – SEDHS, por meio do qual foi disponibilizado recurso financeiro mensal. O referido convênio permitiu a manutenção do serviço de acolhimentoinstitucional já existente e a ampliação de mais 20 vagas divididas em duas unidades de casa lar descentralizadas na região administrativa de Taguatinga Norte-DF. 

Em 2014 e 2015 a Casa participou dos chamamento público do Fundo dos Direitos da Criança e Adolescente – FDCA ,concorrendo a recursos financeiros destinados a trabalhos voltados para a garantia de direitos de crianças e adolescentes. Em 2014 foram apresentados dois projetos, sendo ambos aprovados e em 2015 apresentados três projetos com aprovação de dois.

Com a assinatura do convênio e aprovação dos projetos citados acima foi possível à realização de melhorias e aquisições necessárias para o desenvolvimento do trabalho. Na unidade de acolhimento foram realizadas compra de camas-box, jogos de sofás, racks, conserto das máquinas industriais de lavar roupas, reforma dos depósitos de alimentos e materiais de limpeza, aquisição de computadores, fabricação de armários de aço para o quarto dos acolhidos, reforma das mesas do refeitório, fabricação de armários planejados para cozinha e aquisição de fogão, geladeira e freezers industriais e a compra de um veículo.

Nossas Casas

Em janeiro de 2015 foi inaugurada a Casa Lar I, em abril de 2015 a  Casa Lar II,

em julho de 2016 a abertura da Casa Lar III ampliando a meta de atendimento para o total de 50 vagas, incluindo a Sede e todas as Casas Lares.

Estatuto

ATA

ajude a casa a continuar crescendo

logo-white-2.png